Gilberto faz 3 e Bahia vence o Fla na Fonte | Com vídeo - O BahiaNaRede

Post Top Ad

Post Top Ad

segunda-feira, 5 de agosto de 2019

Gilberto faz 3 e Bahia vence o Fla na Fonte | Com vídeo

O Bahia não só voltou a marcar, como também quebrou a sequência sem triunfos no Brasileirão e derrotou o Flamengo por 3 a 0, na tarde deste domingo (4), na Fonte Nova, pela 14ª rodada da Série A do Campeonato Brasileiro.

Gilberto marcou três vezes para o Bahia vencer o Flamengo.
Da redação com informações do ECB
Fotos: Gabriela Simões

Com o resultado, o Bahia chegou aos 19 pontos, ocupando a 10ª colocação. O próximo jogo será domingo (11), às 16 horas, contra o Palmeiras, no Allianz Parque, em São Paulo. Para a partida, o técnico Roger Machado não vai contar com o centroavante Fernandão que foi expulso no segundo tempo. Bahia e Flamengo, nos primeiros 15 minutos, fizeram uma partida equilibrada. O Bahia, aos 6, teve uma oportunidade na bola parada. Lucca cobrou falta fechada e Diego Alves, ao tentar encaixar, soltou no meio da área. Giovanni desviou e mandou para fora. Do outro lado, aos 14, Arrascaeta testou no alto e Douglas jogou para escanteio.


A partir dos 20 minutos, começou a sequência de Gilberto. Aos 20, após lindo passe de Nino Paraíba, o centroavante saiu de cara com Diego Alves e tocou no canto. Festa na Fonte Nova, porém, interrompida pelo bandeirinha. O lance foi revisado pelo VAR, que confirmou o tento: Bahia 1×0.

Aos 30, a bola foi recuada para o goleiro Diego Alves. O arqueiro do Flamengo, na tentativa de afastar, entregou nos pés de Gilberto. O camisa 9, mesmo de esquerda, finalizou rápido e ampliou o placar. O Flamengo seguia com maior posse de bola, no entanto, era o Bahia quem mais oferecia perigo. E foi assim, em um rápido contra-ataque, que Gilberto fez o terceiro dele. O quinto no Brasileirão. A defesa tirou a bola, depois do escanteio cobrado, e Artur disparou com muita velocidade para, metros depois, servir o companheiro. Gilberto entrou na área, escolheu o canto e fez Bahia 3 a 0 no Flamengo.


Segundo tempo

Na etapa final, posicionado mais atrás, sem dar espaço ao adversário, o time de Roger Machado quase marcou o quarto gol na partida. Aos 8, troca de passes pelo círculo central e lançamento para Moisés, do lado esquerdo. O camisa 6 finalizou e Diego Alves defendeu. O jogo seguiu sem grandes oportunidades para os dois lados.

O Bahia, porém, aos 28, trabalhou muito bem a bola no campo ofensivo e novamente esteve perto do quarto gol. Ramires driblou o zagueiro, ajeitou para perna direita e obrigou uma linda defesa do camisa 1 adversário. O jogo ganhou ainda mais capítulos de emoção quando o visitante se lançou ao ataque. Aos 32, outra vez pela esquerda, o lateral Moisés passou por Thuller e mandou uma bomba. Diego Alves, de pé, defendeu.

Roger Machado faz elogios ao time

‘Hoje, para ter margem de crescimento, eu não posso dar nota dez. Meu time fez um grande jogo e merece uma nota 9’. Foi desta forma que, na última resposta da entrevista coletiva, concedida na Fonte Nova, o treinador Roger Machado resumiu o nível de atuação do Bahia no triunfo por 3 a 0 sobre o Flamengo.


O treinador justificou a entrada de Giovanni, surpresa da escalação inicial. “Não foi uma invenção do treinador. Giovanni sempre soube fazer uma ou duas funções dentro de campo, e conversei com ele antes de fazer esta escolha. Ele disse estar confortável para fazer esse papel e treinamos isso durante a semana”, disse.

“Estávamos um tempo sem fazer, sem marcar gols. Agora nós fizemos três gols no Flamengo, estamos três jogos sem perder, e ainda não levamos gol do Flamengo. O futebol é assim mesmo. Nem sempre tá tudo errado, como quando vence não está perfeito”, pontuou.

Expulsão de Fernandão

“Fernandão, com todo seu tamanho e estatura, é muito educado. Ele falou comigo no vestiário e disse que não xingou o árbitro. Eu confio no meu atleta. Fernandão nunca foi agressivo, seja com alguma autoridade em campo ou colegas. Ele tem crédito”.

Artur avalia triunfo tricolor

Artur foi um dos melhores em campo contra o Flamengo.
Um dos principais nomes da partida, o atacante Artur comemorou bastante o triunfo sobre o Flamengo e destacou a imposição da equipe na primeira etapa. “A gente estava fazendo bons jogos, mas diante de uma equipe forte como o Flamengo acho que a gente se impôs no primeiro tempo, conseguimos segurar no segundo tempo. O importante são os três pontos dentro de casa, voltar a vencer. Agora vamos descansar, porque vem mais pela frente”, analisou.

O camisa 98, no entanto, não entendeu a expulsão de Fernandão. “Também quero aproveitar para falar que a arbitragem foi boa, mas na expulsão de Fernandão, não tinha que expulsar. O Gerson, que estava perto, falou que ele não xingou. E ele criou essa situação no final do jogo ao expulsar Fernandão, mas ele fez uma boa arbitragem”.


Bahia 3 X 0 Flamengo - 13ª rodada da Série A do Campeonato Brasileiro
Árbitro: Flávio Rodrigues de Souza (SP)
Auxiliares: Alex Ang Ribeiro e Miguel Cataneo Ribeiro da Costa (ambos de SP)
VAR: José Claudio Rocha Filho, com auxílio de Vinicius Gonçalves Dias Araujo e Herman Brumel Vani (todos de SP).
Cartões amarelos: Ramires (Bahia) / Rafinha (Flamengo)
Cartão vermelho: Fernandão (Bahia)
Gols: Gilberto, duas vezes (Bahia)
Bahia: Douglas; Nino Paraíba, Lucas Fonseca, Juninho e Moisés; Flávio, Gregore e Giovanni (Ramires); Artur, Lucca (Élber) e Gilberto (Fernandão). Técnico: Roger Machado.
Flamengo: Diego Alves; Rafinha, Thuler, Pablo Marí e Filipe Luis (Renê); Piris da Motta (Reinier); Willian Arão, Everton Ribeiro, Gerson e Arrascaeta (Berrío); Bruno Henrique. Técnico: Jorge Jesus.

Nenhum comentário:

Postar um comentário

Post Top Ad