Bahia perde, por 4 a 1, para o Flamengo no Rio | Com vídeo - O BahiaNaRede

Post Top Ad

Post Top Ad

sexta-feira, 20 de outubro de 2017

Bahia perde, por 4 a 1, para o Flamengo no Rio | Com vídeo

Jogando no Estádio Ilha do Urubu, no Rio de Janeiro, o Bahia perdeu, por 4 a 1, para o Flamengo na noite desta quinta (19), pela 29ª rodada da Série A do Campeonato Brasileiro.

De pênalti, Mendoza marcou o gol de honra do Bahia.
Da redação com informações do ECB
Colaboração de foto: Gilvan de Souza/ECB

Os gols da partida foram marcados por Rever (2) e Diego (2) para o Flamengo, descontado por Mendoa para o Bahia. Com o resultado, o Bahia continuou com 35 pontos ocupando agora a 13ª colocação no Campeonato Brasileiro. A próxima partida será no domingo (22), às 16 horas, contra o Vitória, Na Fonte Nova.

Após uma primeira etapa equilibrada, onde teve chances de abrir o placar, o Bahia levou o primeiro gol logo aos cinco minutos do segundo tempo. Em cobrança de escanteio, o zagueiro Réver marcou para o time carioca. O Bahia empatou aos 23, após Hernane ser derrubado na área e Mendoza bater o pênalti com precisão no canto esquerdo de Diego Alves.

Porém, aos 32, Réver novamente de cabeça marcou o segundo gol carioca. O terceiro gol do adversário saiu aos 39, com Diego, em cobrança de penalidade máxima. No fim, Diego novamente marcou o quarto gol. Para a próxima partida, o treinador terá o desfalque de Juninho Capixaba, que levou o terceiro cartão amarelo.

Na entrevista coletiva após a derrota, o técnico Paulo César Carpegiani se mostrou bastante chateado. O treinador falou dos erros ingênuos da equipe, mas não concordou com o placar tão elástico.

Entrevista Paulo César Carpegiani:

“O placar foi muito dilato. Acho que a diferença de gols não diz o que foi o jogo. Com relação a vitória, não tenho nada a contestar. Foi uma vitória justa do Flamengo, que soube se aproveitar da ingenuidade de alguns lances nossos. O primeiro gol era um lateral nosso, que originou um escanteio e o Réver fez o gol. Conseguimos empatar o jogo e houve um relaxamento normal. E outra bola que estava sob nosso domínio, propiciamos um escanteio para o adversário. Tínhamos uma jogada preparada para o Réver, que acabou sendo a grande figura do jogo. Isso foi muito cobrado entre eles no vestiário. Gosto que tenha isso, porque demonstra que eles estão interessados em corrigir as coisas”, disse.

Com aproximadamente 20 mil ingressos garantidos para o Ba-Vi, Carpegiani falou que perdeu a chance de chamar mais gente para lotar a Fonte Nova. Porém, o treinador sabe que precisa do apoio da Nação para tentar vencer o maior rival. “Perdemos a oportunidade hoje. Sem desmerecer o Flamengo, se você examinar o início das jogadas todas, nós propiciamos essa vantagem ao Flamengo. Isso é corrigível e vamos partir para isso. Nós podíamos ter muito mais torcida no clássico e sei que hoje foi um balde de água fria. Mas nós queremos que essa chama não se apague. Precisamos desse apoio, porque vamos buscar o resultado”, comentou.


Flamengo 4 x 1 Bahia – 29ª rodada da Série A do Campeonato Brasileiro
Árbitro: Marcelo Aparecido de Souza (SP)
Assistentes: Anderson José de Moraes Coelho (SP) e Alex Ang Ribeiro (SP)
Assistentes adicionais: José Claudio Rocha Filho (SP) e Adriano de Assis Miranda (SP)
Cartões amarelos: Willian Arão, Guerrero, Diego, Éverton Ribeiro, Juan (Flamengo) / Juninho Capixaba, Renê Júnior, Eduardo (Bahia)
Cartões vermelhos:
Gols: Réver (duas vezes), Diego (duas vezes) (Flamengo) / Mendoza (Bahia).
Flamengo: Diego Alves; Pará, Réver, Rafael Vaz e Trauco; Cuéllar, Willian Arão e Diego; Berrío (Éverton Ribeiro), Everton e Paolo Guerrero (Lucas Paquetá). Técnico: Reinaldo Rueda.
Bahia: Jean; Eduardo, Tiago, Lucas Fonseca e Juninho Capixaba; Edson, Renê Júnior, Zé Rafael (Allione) e Vinícius (Régis); Mendoza e Edigar Junio (Hernane). Técnico: Paulo Cézar Carpegiani.


Nenhum comentário:

Postar um comentário

Post Top Ad