Bahia empata com o América (MG) na estreia - O BahiaNaRede

Post Top Ad

Post Top Ad

sábado, 9 de maio de 2015

Bahia empata com o América (MG) na estreia

O Bahia iniciou a caminhada no Campeonato Brasileiro da Série B com um empate contra o América Mineiro na tarde deste sábado (9), na Arena Independência, em Belo Horizonte.


Colaboração de texto: Ulisses Gama /BahiaNotícias

Em um jogo de oportunidades para os dois lados, as equipes não saíram da igualdade em 1 a 1. Os gols foram de Wesley Matos (contra) para o Bahia e Mancini, para o América-MG. O tricolor agora volta as atenções para a segunda fase da Copa do Brasil, onde enfrentará o Luverdense, na próxima terça-feira (12), em Lucas do Rio Verde (MT).

Na Arena Independência, America-MG e Bahia iniciaram a luta pelo acesso com velocidade, mas pouca precisão. Prova disso foi o presente que o Bahia ganhou do zagueiro Wesley Matos. Aos 9 minutos do primeiro tempo, Zé Roberto, pelo lado direito, cruzou para Kieza. O jogador do Coelho se atrapalhou e mandou a bola para a própria meta, traindo o goleiro João Ricardo.

Aos 14, o tricolor chegou perto do segundo gol em uma jogada com Kieza que bateu pro gol mas foi barrado pela defesa do Coelho. Na sobra, o artilheiro do Esquadrão ajeitou com a cabeça para Bruno Paulista, que acertou novamente o defensor americano. Dois minutos depois, o Bahia tentou chegar pelo lado esquerdo, mas a jogada foi cortada.

Sem criar oportunidades nos primeiros minutos América perdeu chance de empatar aos 19, quando Felipe Amorim, dentro da área, furou a finalização depois de passe de Thiago Santos. Com 22 minutos, o atacante do Coelho obrigou Jean a fazer boa defesa depois de um forte chute rasteiro. O Bahia respondeu com Tiago Real, que mandou uma bomba de longe e João Ricardo defendeu. Foi o suficiente para animar a torcida tricolor que se fez presente no estádio mineiro.

Aos 29, a equipe do Coelho fez boa jogada. Mancini ajeitou para Diego Lorenzi que errou na hora de finalizar. Aos 35, o ataque tricolor foi a frente com Kieza, que tinha Maxi ao seu lado, mas preferiu finalizar. O chute acabou desviado para escanteio. Na sequência, após a sobra do tiro esquinado, Maxi Biancucchi chutou colocado e acertou a trave esquerda de João Ricardo.

Posteriormente, o Bahia acabou ficando sem Tony e Kieza por alguns minutos. O atacante, que sentiu uma lesão na coxa, acabou substituído por Willians Santana aos 44.

No último minuto da primeira etapa, o Bahia perdeu uma chance preciosa. A defesa do time mineiro se atrapalhou e a bola sobrou com Zé Roberto, que fez tudo certo, mas errou na finalização.

Segundo tempo

O primeiro momento da segunda etapa foi de susto para o torcedor tricolor. Felipe Amorim e Mancini invadiram a área com liberdade, mas não souberam concluir. Aos cinco minutos, bola na àrea tricolor e cabeceio de Diego Lorenzi. Jean, bem posicionado, defendeu. A superioridade do time da casa foi evidente nos minutos iniciais.

Aos 15 minutos, o lateral Raul, ex-Bahia, mandou um chute forte de fora da área e acertou o travessão. Mancini, outro ex-tricolor, foi dono de maior sorte. Aos 20 minutos da segunda etapa, Bruno Sávio acertou bom passe para o experiente meia, que chutou forte para a rede.

Aos 22, Jean foi providencial ao cortar uma bola que passou por toda a defesa do Bahia e que poderia ter alcançado o ataque da equipe mineira. A pressão continuou aos 25, quando Mancini tocou para Tony, que finalizou para uma defesa em dois tempos de Jean.

Na sequência, o Bahia respondeu com Zé Roberto. O jovem atacante chutou de fora da área e colocou o goleiro João Ricardo para trabalhar. Aos 27, o goleiro do Coelho fez outra defesa depois de uma bomba de Bruno Paulista.

No minuto 31, Jean fez mais uma importante intervenção. Tony entrou na grande área com total liberdade e soltou uma bomba para a defesa do goleiro tricolor. Aos 38, jogada da base do esquadrão entre Zé Roberto e Bruno Paulista. O atacante deu passe de calcanhar para o volante, que finalizou para fora. Nos minutos finais, o América deu um susto com Willie, que quase alcançou assistência de Mancini de frente para Jean. Fim de jogo: América-MG 1 x 1 Bahia.


América (MG) 1 X 1 Bahia - 1ª rodada da Série B
Árbitro: Bruno Arleu de Araújo (RJ)
Auxiliares:Luiz Cláudio Regazone e Carlos Henrique Alves de Lima.
Cartões amarelos: Thiago Santos, Anderson Conceição, Walber, Mancini (América-MG) / Wilson Pittoni, Willians Santana, Feijão (Bahia)
Cartões vermelhos:
Gols: Mancini (América-MG) / Wesley Matos [contra] (Bahia)
América (MG0: João Ricardo; Walber, Wesley Matos, Anderson Conceição e Raul; Thiago Santos (Leandro Guerreiro), Diego Lorenzi, Mancini e Tony; Felipe Amorim (Willie) e Bruno Sávio (Marcelo Toscano).Técnico: Givanildo de Oliveira.
Bahia: Jean; Tony (Yuri), Robson, Titi e Patric (Feijão); Pittoni, Tiago Real e Bruno Paulista; Maxi Biancucchi, Kieza (Willians Santana) e Zé Roberto. Técnico: Sérgio Soares.


Nenhum comentário:

Postar um comentário

Post Top Ad